Doe seu sêmen

No Brasil, a venda de sêmen é proibida. Por isso, dependemos de doadores para abastecer o nosso banco de doação. Seja um doador e ajude a transformar sonhos em vida.

Por que ser um doador?

Ser doador de sêmen é um ato generoso que ajuda a construir famílias. Nos casos de infertilidade masculina mais grave, casais precisam recorrer ao banco de sêmen para realizar o sonho de serem pais. Há ainda mulheres que decidem ser mães independente de um parceiro, e casais de mulheres que precisam do material genético masculino para gerarem seus filhos. Em todos esses casos, os sêmens de doadores são essenciais para transformar sonhos em vida.

Como funciona?

Para ser um doador de sêmen é preciso ter entre 18 a 45 anos, e o único preparo necessário para coleta do esperma é a abstinência sexual ou de ejaculação de 3 a 7 dias. Após a coleta, o material é submetido à avaliação seminal, e o doador recebe gratuitamente os resultados de espermograma, doenças sexualmente transmissíveis e exame genetico (cariótipo). Após 6 meses, o doador retornará para realizar novos exames de sangue.

Todo homem pode ser doador?

Não. Existem critérios a serem seguidos: idade, amostra seminal normal, exames de sangue negativos para doenças sexualmente transmissíveis (HIV, Hepatite B, Hepatite C, HTLV, Sífilis), Ziká vírus e cariótipo normal.

A doação é anônima?

Sim, é uma determinação do Conselho Federal de Medicina e da ANVISA que os doadores sejam mantidos em anonimato. As receptoras não terão qualquer informação sobre o doador assim como os doadores não saberão a quem seu sêmen foi destinado.

O doador pode indicar algum conhecido para utilizar o seu sêmen?

Não, a doação deve ser sempre anônima.

O doador pode utilizar a sêmen no futuro para uso próprio?

Sim, caso haja disponibilidade de material no banco.

O que é feito com o sêmen após a doação?

Logo após a doação, o sêmen é processado em laboratório e os espermatozoides são congelados. Após 6 meses, o doador fará novos exames de sangue e a amostra seminal congelada poderá se transformar em vida.

Assista ao vídeo para saber mais: