O trabalho já auxiliou mais de 100 pessoas, entre casais heterossexuais, homoafetivos e solteiros, a realizarem o sonho de serem mães e pais, sob condições e tratamentos especiais. Segundo a embriologista e diretora da FertilCare, Dra. Beatriz de Mattos, serão escolhidos 20 casais para o tratamento de infertilidade – com custo reduzido em cerca de 55%. “Através de parcerias com nossos fornecedores, conseguimos beneficiar quem sempre sonhou em ter filhos, e por algum motivo tem dificuldades na concepção e não tem condições de arcar com os custos do procedimento”, afirma.

Leia a matéria na íntegra aqui

Notícias relacionadas